A descarbonização das cidades, assente na retirada faseada de combustíveis fósseis e na progressiva integração de fontes renováveis endógenas, emerge como instrumental no combate às alterações climáticas. O modelo energético do futuro configura-se na produção renovável e, como esta é intermitente, existe sempre a necessidade de armazenamento intermédio. Este armazenamento, por motivos de poupanças na distribuição, terá de ser feito de forma local nos próprios edifícios e integrado em micro redes inteligentes, com a possibilidade de uma gestão mais fina e otimizada de cada fluxo de energia (consumo, produção, armazenamento).

Para que tudo isto se concretize, o papel das baterias é central e lança inúmeros desafios. É neste contexto que surge o projeto Baterias 2030, com o objetivo de responder aos desafios relacionados com a descarbonização e disseminação de comunidades energéticas sustentáveis, naquilo que se espera serem as cidades do futuro.

No âmbito deste projeto a Watt-IS terá um papel de desenvolver e aplicar uma camada de análise de dados, assente em conceitos de Inteligência Artificial e “Machine Learning” que possibilitem por um lado a identificação dos consumos existentes numa qualquer comunidade de energia, mas também perceber quais destes consumos (quando controlados) poderão ter o maior potencial para uma gestão mais otimizada do sistema energético de toda a comunidade.

O projeto será desenvolvido por um consórcio composto por 14 empresas, liderado pela DST Solar, mas também por 9 entidades não empresariais que são detentoras de tecnologias e conhecimento específico de elevado valor acrescentado no domínio da energia, capazes de concretizar os objetivos preconizados.

Com um investimento elegível de cerca de 9,9 milhões de Euros, o projeto Baterias 2030 visa contribuir para desenvolvimento de tecnologias disruptivas, passíveis de serem integradas em toda a cadeia de valor, com soluções state-of-art. Com efeito, o projeto Baterias 2030 alavanca a ciência e tecnologia em torno da temática da produção, armazenamento e gestão sustentável de energia.